Recebi esse material por e-mail. Aqueles e-mails de amigo-do-amigo-do-amigo, mas tão caso tão tosco que não poderia deixar de reproduzí-lo aqui. Segue o relato nas palavras do próprio protagonista.

Quem é cliente TIM sabe como é divertido ligar no *144. Já tem alguns meses que liguei para atualizar meu endereço, e pra quem mora em Brasília é uma peleja explicar para gente de fora que aqui as ruas não têm nome. Comigo foi mais ou menos assim:

Depois de 45 minutos aguardando….

• Mateus: “Alô! Boa noite, não estou recebendo minhas faturas. Preciso atualizar meu endereço.”

• TIM: “Senhor, pode falar seu novo endereço.”

• Mateus: “SQN 214, Bloco E”

• TIM: “Ok. FQM 214 Bloco E.”

• Mateus: “Não… Não…. É SQN!!! Não FQM!”

• TIM: “Ah sim, desculpe. Confirmando, FQN 214”

• Mateus: “Po! Não. SQN!!! SQN!!!”

• TIM: “Ah tá, desculpe senhor. Continuando, SQM 214”

• Mateus: “Ai caramba!!! Esquece o M e o F. É SQN”

• TIM: “Já entendi senhor: FQN”

• Mateus: “Ai meu santo. É SQN: Sapo Queijo Nada! SQN, Sapo Queijo Nada!!!”

• TIM: “Ah tá senhor. Agora entendi: Sapo Queijo Nada”

• Mateus: “Ufa! Graças a Deus. Tudo certo então. Atualizado?”

• TIM: “Sim, atualizado. Boa noite.”

Depois dessa briga toda, finalmente chegou a conta no meu endereço!!! Olha a prova abaixo:

Anúncios